• leandroaalmeida

Roda das charuteiras - podcast

O podcast Roda das Charuteiras trabalha a temática do fumo no Recôncavo e o papel das fumageiras na produção de charutos. O material foi pensado inicialmente para utilização no colégio Suerdieck, que carrega em seu nome e na sua própria história um entrelaçamento com a produção de charutos e com a herança fumageira na cidade de Maragogipe. Mas pode auxiliar nos conhecimentos mais gerais sobre a história do fumo no Recôncavo e na Bahia, bem como contribuir com os estudantes no processo de reconhecimento e construção da sua identidade. Organizado em três episódios, o material se debruça sobre o debate histórico sobre o fumo no Brasil e no Recôncavo, a atuação das mulheres nesse processo da economia local de produção, perpassando também a história do Colégio Gerhard Meyer Suerdieck e seu envolvimento no contexto da época. Por fim, o trabalho conta com a entrevista de dona Maria que foi uma das trabalhadoras da fábrica Gerhard Meyer Suerdieck, de Maragogipe.


Episódio 1:

O primeiro episódio traz um apanhado sobre a história do fumo, que já era cultivado no continente americano pelos povos originários antes da colonização, sobre o contato que os portugueses tiveram com a planta e o grande sucesso que o fumo teve quando exportado para a Europa, sobre a produção e comercialização do fumo no Recôncavo.

Acesse o áudio do episódio 1. Ou o escute abaixo.



Episódio 2:

O segundo episódio trata do surgimento das fábricas de charutos no Recôncavo e sobre a importante participação das mulheres na produção de charutos na região. Aborda um pouco sobre como era a vivência dessas trabalhadoras no século XIX e XX, quais as opressões e desafios que tiveram que lidar naquele contexto, estando dentro dos espaços das fábricas e até mesmo fora delas. Tratando também sobre a resistência e lutas dessas trabalhadoras pela conquista de direitos a uma educação para seus filhos.

Acesse o áudio do episódio 2. Ou o escute abaixo.



Episódio 3:

O terceiro episódio traz uma entrevista com uma das Charuteiras da Fábricas Suerdieck, a Sra. Maria Crispina Batista, contando sua experiência de cinco anos na fábrica, conciliando vida pessoal e vida profissional, diferenciando também os cargos ocupados pelas pessoas do gênero masculino e feminino, explicando o processo desempenhado pela mesma na fabricação de charutos, em oito horas diárias e a quantidade produzida diariamente.

Acesse o áudio do episódio 3. Ou o escute abaixo.



O podcast foi elaborado por bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), Subprojeto História, na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).

Bolsistas: Andreina de Almeida Andrade; Jamile Santos Souza; Jeyel Batista do Nascimento de Lima; Laís Santos de Souza

Coordenação: Leandro Antônio de Almeida

Supervisão: Denilson Romeiro Garcia Junior

Núcleo: Estadual Gerhard Meyer Suerdieck (CEGMS)

O PIBID contou com financiamento de bolsas da CAPES







46 visualizações0 comentário